O que vem-i à rêdi éi pêxi ... E mai nada .

Homenageados


Estrelas e Meteoritos

Tudo me aparece na rede

O gajo é louco

.
.

Pescar com rádio

Clicka no play e espera , isto trabalha a carvão .

.
.

Na rede MP3Tube

.
Tijolaev-band  Несчастный Случай - Прощай, не горюй
 Desconocidos - Hotel California!
 RP - ASAE

Peixe fresco

Finalmente um tempinho li...

Vodafone Beat Box

A mánica ingricola , do f...

Vasculhando no saco das m...

Smog (smoke+fog)

Bobcat mini excavators (f...

Na bigorna em avaliação. ...

Na bigorna em avaliação. ...

Trinta anos de:"DIE ROBOT...

O (En)Tornado de Alcanena...

Comunicado da VAI (TE)

RIKA E KIDA em :

À distância de ANOS LUZ ....

Acontecimentos do dia e o...

Ganhar dinheiro a clickar...

Ana bola

Na memória , TERMINAL 2 ....

Tay Zonday , um cromo mui...

Maldita heroína .

Sopa de Charroco " Au Sa...

As mutações do sistema ed...

Começaram hoje , equipa d...

Noivos em fuga , por caus...

UM PAÍS DE ANEDOTAS ...

Prime Joseph Monkey e a r...

Novo mapa judiciário .

Sporting Club de Portugal...

Um pesadelo chamado " Tok...

Paciência de chinês .

Entrevista com o professo...

O Doggy Narsa de castigo ...

O patrão Anúplio e a inva...

Microsoft , Virtual Earth...

Poluir , na lista dos nov...

Energia alternativa .

Última hora : Camacho bat...

Até o rádio fica marado ....

Os perigos da internet .

Parooouuu ... paaaarrooou...

Ele há ensaios e ensaios ...

Congelados

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

ZONA DE PESCA

.
ONDE PESCO
.

 

 

 

-a-
A Dolorosa Verdade
A Ordem
À sombra do chaparro
Ana Scorpio
A Papoila
Agrobio
A Sonhadora

A ternura dos 40

Alice
Alvitrando
AlfaBeta
Alahora
Amor Liberdade Solidão
Alto e pára o baile
Amnistia Internaciona
Alexandra Kindl
Avenida Central
Apaixonaida ( Peter Pan )
A Taberna dos Inconformados
A nossa casinha
-b- 
Brisa do Mar
Blog dos marretas
Bolota Voadora
Blogoperatório
Bluerussian
 
-c-
Capitão-Mor
Carbono Zero
Canto dos Sonhos
Carminda Pinho 
Casa de Maio
 Cem Sentidos
Cigana
Circulo de poesia
 Claudia Perotti
Club 560 Adamastor
Collybry
Coura Magazine Foto
Crônicas de Luanda II
-d-
D.Maria&Coelhinho
Daniella
Dadores de medula óssea
Débora
Doces Poemas
-e-
Editorial (martelo)
Emigrante Club SA
Encontros na Cidade
EPÁ CUM CATANO
Eu estou aki
Extensa Madrugada , Mãos Vazias
Estados Gerais
-f-
Fa Menor 
Fapas
FILHOS DE UM DEUS MENOR
-g- 
Gaivota da Ria
Gato fodorento
GEOTA
 Gená Franco
Gira Mundo ...
-h-
Horta da Mila
-i-
Igrejinha
Impactos
Industrias Culturais
Irneh 
Isabel José António
-j-
Jardineira Aprendiz
 J.Melo
-k- 
Kalinka
-l-
Leonor C.
Lorena
Leticia Gabian
Luar Perdido
Luis Reflexos da Alma
Louco mundo
Liga para a protecção da natureza
Loucuras
Lua
Lumife
-m-
 
Mais um blog
Maluqueiras do Pexe
Marlene
Matilde & Cª
Mau feitio
Meu cantinho Escondido
Menina do Rio 
Migas Entre Gostos
MONSARAZ
Maria Valadas
Maria Almas Poéticas
MulherAzul
Maria Clarinda
Maria da Ilha
Miosotis
-n- 
 
Não ao nuclear
-o-
 
O Alquimista
O Escondidinho
Ó minha vizinha
O Moyle
O Desambientado
O cantinho da Anokas
O meu cantinho
Observatório Astro. de Lisboa
Os meus Retalhos
O Restaurador da Independência
Outono Austral
-p- 
Palácio do Marquês
Palavra entre palavras
Praça da Republica em Beja
Palavras ao vento
Phiwuipa
Palavras ousadas
Penísula Encantada
Pequenos Nadas
Patagonia
-q- 
Quercus
-r-
Rascunhos da vida
Reflexões
Reflexos
Rosa Azul
-s- 
Sandra
Sentir com as palavras
Sentimentos
Sentada ao Luar
Suspiros
 Sei que existes
Serpentine
Simplesmente Joana
Solitária
Stella
Serra da Adiça
Sobral da Adiça
Só verdades
-t- 
Tentações
Transgénicos Fora do Prato
Triliti Star Trinta por uma linha 
 
Textos & Textos 
Transmimentos de Pensações
Tem Ávondo
Trugia
-u-
 
U.D.P.F.
Um Voo de Seda
Um fraco por coisas fortes
Um Momento 
Um dia , uma Estrela disse
-v-
Vale das borboletas
Vida de Vidro
Ville de Lumière
Vindo do céu
Vladimir
-z- 
Zig-risos
.
OUTROS PESQUEIROS
.

a

 

A Barbearia do Senhor Luís

Abrupto

Absorto

A Cidade Surpreendente

A Funda São

A Origem das Espécies

A Ouvinte do Bikini Laranja...

A Praia

A Sexta Coluna

A Tasca

Avatares de Um Desejo

 

b

 

Berra-boi

Blasfémias

Blogame Mucho

Blogue dos Marretas

Bloguitica

 

c

 

Carapau de Corrida

Chá de Palavras

Consultório do Humor

Conversa na Travessa

 

d

 

Depois da Noite

Desesperada Esperança

Diário de Lisboa

 

e

 

E-jetamos

Epá Cum Catano

 

f

 

Farinha Amparo

Fonte das Virtudes

 

g

 

Gatas-QB

Geração Rasca

Glória Fácil...

 

h

 

Homem a Dias

Impertinências

 

j

 

João Seabra Stand-Up Comedy

 

k

 

Kontratempos

 

l

 

Lóbi

 

m

 

Manos Metralha

Margens de Erro

Mar Salgado

Meia Livraria

Memorial do Convento

Ministério do Bom Senso

Moengas

 

n

 

Nortadas

Nova Floresta

 

o

 

O Estado do Sí­tio

O Fogareiro

O Jumento

O Mundo Perfeito

O Velho da Montanha 

 

p

 

Portugal Contemporâneo

Propriedade Privada

 

q

 

4R - Quarta República

Quase em Português

 

r

 

Rabo de Saia

Retalhos de Edith

Rua da Judiaria

Rumo a Bombordo

 

s

 

Sabor a Sal

Sempre a Produzir

 

t

 

Tomar Partido 2

31 da Armada

 

u

 

Um Piropo por Dia...

Uns e Outros

 

v

 

Vida de Casado

 

z

 

 Zeca Diabo

badge

E porque não parar um pouco para rir , se faz tão bem à alma ...

-Já pescaram qualquer coisa
Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2008

O Chico Zéi , ferrou o galho a meio do serviço ...

 

- Chico zéi !

- ...

- Chico zéi , tás a sentir-te bem-i ?!

- ...

- Chico zéi ... Chico zéi ! Olha lá porq'éi que parás-te , deu-te alguma dori ?

- ...

- Olha lá , sai lá de cima , tás a ouviri ?

- ...

- Ãhiii mexe-te , tás a ouviri ?

- ...

- Ai minha nossa senhora que dê-lhi uma coisa , acudam ... Ãhiii qu'ê cá nã consigo sairi daqui ... Acudam , acudam , ó da guarda ....

- Rrrreeee rronronc  rronronc ... O qu'ei que foi ? O qu'e que foi ?

- Ó homem que susto tu me pregás-ti !!! Atão  tu dêxáste-te dormiri , achas q'era altura pra isso , ó minha nossa senhora santissima ...

- Ó atão qu'é queris , tava na hora da sesta ...

 

 

Publicado por : Charroco

 

 

Tags ( Iscos ): , ,
Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

O QUE É QUE TU FAZIAS ? (by Charroco)

 

Eu sou sincero , preferia ficar com os olhos à Belenenses . Mas , mandava um mirone ...

 

 

 

 

E tu , o que que fazias ???

 

 

Publicado por : Charroco

 

 

 

Tags ( Iscos ): , ,
Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2008

O Manelinho e o destino do Piruxas

 

- Ó mãe , mãããããããããeeeee , aaaaaaaahhhhhhh, eeeefffff...

- Io que foi Manelinho ?

- Aaaaaaaahhhhhhh, eeeefffff , aaaaaaaahhhhhhh ...

- Io que foi filho ? Ai q'o rapaj inté xe me ejtá a ficar roxo , io que foi filho ?

- Ieu andaba a paxear o piruças ali no largo ...  eeeefffff ...

- Assoa-te rapaj que já tens a bela axeja .

- Eeeefffff ... bbbrrrrruuuuuunnnnnntttt , bbbrrrrruuuuuunnnnnntttt ...

- Bá , continua , io qu'é q'acontexeu ?

- Ieu andaba a paxear o piruxas e tába também lá um homem com um cão muito grande , e , e , e , aaaaaaaahhhhhhh ...

- Io o cão do xenhor mordeu no noxo , foi ?!

- O cão do homem fugiu quando biu io q'ele fez ó nosso .

- Io q'é q'o homem fej ó noxo ?

- Ibutou-o à boca icomeu-o ... aaaaaaaahhhhhhh, eeeefffff , aaaaaaaahhhhhhh ...

- Ai noxa xenhora q'o homem comeu o noxo lindinho , coitadinho , acudam , bandido comeu o noxo lindinho , ó da guarda ,  bandido , axaxino ...

 

 

 

 

 

Publicado por : Charroco

 

Tags ( Iscos ): , ,
Sábado, 26 de Janeiro de 2008

FFFuuuuuiiiii ffffffuuuuuiiiiiuuuuu Ó jeitosa ...

 

 

- Ó jeitosa , és nova por aqui ?

- . . .

- Tás de férias ou de passagem ?

- . . .

- Então não dás trela aqui a este jeitoso ?

- . . .

- Queres ir até ao bar , beber uma caipirinha e falar-mos como amigos ?

- . . .

- Yá , já manquei a tua cena , queres que eu te convide para jantar , a seguir ir-mos à discoteca abanar o corpanzil , beber uns canecos e despois ir ver o sol nascer a ouvir as ondas do mar ...

-  . . . 

- ( Fosga-se , esta gaja não diz nada  , tá-me a dar um baile , deve ter a mania que é importante ) . Olha lá ó Virgulina , ao menos manda-me ir dar uma volta ao bilhar grande , ir ver se está a chover , dar milho ós pombos ... agora não dizeres nada é que tá mal . Tou eu aqui a gastar o meu Latim , a dama armada em GIC *e não passa cartão nenhum aqui ó mangas . . .

-  . . .

- Ó Lorenço , não vez que a rapariga é surda muda , és mesmo estarola ehehehehehehe .

- Epá não me digas , ganda barraca , quer dizer têm-se tado a grisar à minha pála ... Aaaaaaahhhhhhhh que raiva , só m'apetece é gritar aaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhhh...

 

 

 

 

 

 

( *- Gajas Importantes com'ó Cara . . . )

Não sejam mentes preversas , eu queria dizer caraças .

 

 

Publicado por : Charroco 

 

 

Tags ( Iscos ): , , , ,
Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008

O compadri Maneli e o bicho mánica ...

 

- Ó compadri Francelino , Que raio de bicho éi aqueli que vai lá além-i a voari ?

- Nã sei , tenho de meteri os ólicos , q'assim nã vejo nada .

- Atão faça lá essi favori . 

- Qual bicho a avoari , qu'ê cá nã vejo nenhum ?

- Aqueli ... aqueli lá além que vai tã depressa q'atéi dêxa uma linha branca no ari agarrada às nalgas .

- Aquilo éi um avião , compadri Maneli !

- Um avião , atão q'a raio de bicho éi essi ?

- É um bicho mánica , éi um meio de estramporte , leva as pessoas duma banda p'ra outra muito longi .

- Éi caçêti , a modos q'assim fico mais descançado ...

- Atão porquêi , compadri Maneli ?

- Olhe lá , atão vocemeçêi já viu s'aquilo fossi um bicho pássaro ?

- Sim , atão o qu'ei que tinha de mali ??

- Vocemeçêi já viu lá ali aonde eli vai à'quela altura , atão se largásse uma poia nem um guarda-chuva de pastori o safava . Havia sálpicos de bostia , que chegavam ó Samouco ... É rapaz livra-te ...

 

 

                                                 Olhem-i esti nã s'aguentou ,

                                                 deu um tráqui ... 

 

 

Publicado por : Charroco

 

Tags ( Iscos ): , ,
Pescado às @s às 19:58
| Escamar (comentar) | Adicionar aos favoritos
|
Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2008

O Sezaltino e a placa ... (by Charroco)

 

 

     O qu'éi qu'ê vou fazlheri da minha vida ? Nã slhêi s'lhéi doslhs medicamentoslhs .Slh'éi a minha cabêçlha que já nã dá p'ra maislhs . Ando slhempre neslhta agonia . Maslhs que raio fizlhs eu à'quela porcaria . Jlhá procuri por toda a banda e nada , inda por clhima a minha Etelvina nã eslhtá cá em caslha . Onde raioslhs puslh aquilo .

        Treeec  treec trrruuuummmmmm....

- Ó Maria Etelvina ,inda bem-i que clhegaslhs , tu nã vislhteslhs a minha placa ?

- Olha calha mesmo bem-i que tu perguntas . Olha o burro já era velho , tu já nã vais pró campo e como andava aí uns ciganos a comprar burros , puz-lhe a placa , assim inganios na idade , sempre fiz o drobo do dinhêro ...

 

 

 

 

 

 

 

Publicado por : Charroco

 

 

Tags ( Iscos ): , ,
Pescado às @s às 18:42
| Escamar (comentar) | Adicionar aos favoritos
|
Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008

O Chico Zéi e o chêro do sonho...(by Charroco)

 

- Chico Zéi ...

- Rrrreeee rronronc rreeeerr ...

- Chico Zéi ...

- Rrrrooonnc reeee ...

- Ãhn -i , Chico zéi ... Chico Zéi , pôrra !!  Vira-ti , tás a roncari q'atéi pareces um porco ... O qu'éi que tiveste a comeri lá no petisco que chêras tã mali da boca . Ãhn-i vira-ti .

- Ãhn , qu'éi queris ?

- Acendi lá a luz .

              - - - Click - - -

- Ó pôrra vens bêbado outra vez , olha lá com'ei que tás dêtado , ó minha nossa senhora da minh'alma , nã tens trambêlho nenhum , adespois nã queris qu'ê  cá diga . Nã podis iri à vila qu'ei esta vergonha .

- Rrrrooonnc . Âhn ?

- Dêta-ti lá como dev'sêri , já viste como tás dêtado , âhn ? Por isso éi que me chêrava tã mali !

- Chêráva-ti mali , olha atão ê nã táva sonhando , porque cá a mim chêráva-mi tã bem-i  ... ãhi ãhi ...

 

 

 

 

 

 

 

Publicado por :  Charroco

 

 

Tags ( Iscos ): , , , ,
Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2008

Ataques terroristas , ameaças ( Gabinete de crise ) .

 

As ameaças da Alka Iéda , devido à recusa do compadre Floriano .

    Face às informações enviadas pela secreta dos  Nuestros Ermanos   ( meus é que não são ) , sobre as ameaças de possíveis ataques terror istas , devido à recusa do compadre Floriano ( ver motivos aqui e aqui  ) , em dar formação ao esquadrão especialista em terror daquela agência não governamental do médio oriente  .

    O governo português reuniu num ápice o gabinete de crise , convocando  o temível compadre a comparecer de imediato .

     Após quarenta e tal horas de de intensa reunião ( que nem deu para ir tomar as refeições oferecidas pelo Méck Dolnad , ofertas de agradecimento pelas incursões da @z@e*  à restauração tradicional portuguesa , nem para fumar a cigarrilha da praxe , popular nestas ocasiões ) . Entre contactos e troca de informações com as congéneres europeias , de maior importância e também no rol , o clima de crise e medo foi desfeito .

    Em declarações dadas ao país em conferência de imprensa pelo primeiro ministro ( ainda em fato de treino suado devido à maratona ) , fez questão de salientar , " as ameaças são para levar muito a sério ", ( estamos devidamente preparados e muito bem equipados , com as sobras em segunda mão dos outros países , para qualquer situação )  , tendo delegado ao compadre Floriano o controle de toda a situação . O endossado esclareceu , evocando as suas intenções e planos .

- Êlis q'venham , elis q'venham , q'ê cá tenho uns bons mísseis p'ra lhes dari , saiem de cá d'aqui que nem-i omerródias levam . Estes supositórios atéi os fazem ganiri , sã cá da minha produção .

* - @snos Zurrantes @lbardados Elegantemente .

 

 

 

Publicado por : Charroco .

Tags ( Iscos ): , ,
Pescado às @s às 19:09
| Escamar (comentar) | Adicionar aos favoritos
|
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

Descoberta a origem da fuga de gás em Lisboa . ( by Charroco )

       O repórter no local .

 

- Estamos aqui com a Dona Arminda , a senhora que deslindou o caso da fuga de gás que deu origem ao pânico e à evacoação de diversos edificios nesta zona da cidade . Dona Arminda , pode-nos dizer como fez a descoberta ? ( Não agarre o microfone )

-   Uólhe , para comexar , eu não xou Arminda xou Arménia , com'ó meu falexido padrinho qu'imigrou p'ró Brajil , inda eu era uma catraia pequena .

- Peço desculpa pelo equivoco .Mas, continuando , como descobriu  a origem da fuga ? ( E não agarre o microfone )

- Uólhe estaba aqui na caja da xenhora , já aqui trabalho há trint'anos , andaba eu na limpeja dos bidros e, xem xaber por carga d'água olhei para o oitro lado do jardim e bi uma coisa muito estranha . Eu inté lipei aj lentej dos oiclos p'ra ber xe bia melhor ou xe táva a ber bem . Ós despois inté fui chamar a bejinha aqui do lado p'ra bir ber , mas xó qu'ela num estaba , tinha ido q'o marido ó xentro de xaúde , q'o coitadinho tem falta d'ar e , quando dá-lhe aquela  esgana e tem d'ir  á prexa .

-Sim e continuando , o que é que a senhora viu de estranho ?( Não agarre o microfone ) .

- Á xim tá bem . Uólhe , eles eram muitos eram uma catrefada deles por axim dijer , estabam axim numa pojixão muito ejquejita , qu'eu inté penxei , isto num é normal . Ós despois óbi nas noticias , q'a xenhora deixa xempre o rádio ligado , a modos que p'ra me fajer companhia ,  óbi que tinha axim habido uma fuga grande de gáses . E eu bi logo , foram eles , de xerteja , xó queria que tibexe bisto . Que bergonha e xe alguém bixe ... Eles ali ... Tá a entender ?

- Obrigado Dona Arminda pelo seu depoimento  ...( E largue a porcaria do microfone , fosga-se  )

- Ó , eu não xou Arminda carago , eu xou Arménia com'ó meu falexido padr ...

                               Voz off

- Largue o microfone caraças , largue o microfone ...

- Uólhe , é xó pra mandar uns beijinhos lá p'rá minha aldeia , pá minha Jacinta ...

- Não , largue já isto , pôrra ...

 

 

 

 

Publicado por : Charroco

Tags ( Iscos ): , , , ,
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

Jamba Catinga e a a lata de sarrrrrdinha ... (by Charroco)

 

- Filoména .. Filomééééééna .. Fiiiiiiloméééééééééna ...

- Pôra Jamba Catinga , tu ainda matas o éu do corrrração !! Olha como ele tá a baterrr , até parrrece a máquina de lavarrr roupa que trrrrouxes-te do ferrrro velho , quando está a trroçerrr os téus fatos-de-macaco das obrrras .

- Deixa-te de histórrrias Filoméééna , tou muito zangado com tu .

- Tás zangado com éu !? Tu tá semprrre .

- Pôra pá , hoje porrr tu causa não almocei  .

- Porqué !? Só tinhas de aquecerrr as batatas na fogueirrra , temprrrarrr a salada , o rrresto errra fácil , errra só abrrrirr com a chave . Pôra não diga , éu esquecéu de mandar a chave !!

- Nâo táva lá tudo . Que rraio de lata de conserrrva errra aquela que tu me mandás-te , ás sarrrdinha errram esqusitas com'ó carrraças , pá .

 

 

 

 

 

 

 

Publicado por : Charroco

 

Tags ( Iscos ): , ,

Este blog tem :

.
Varnostno Preizkuzena
Sicherheitsgeprüft
Sécurité Assurée
Safety Tasted
Segurança Testada
.
.

Porque ainda há

Velhos do Restelo

.
.
.
.

Video riso da semana.

Apanhados à mão.

Berinquê ? Vai lá vai ...

.
.

Pescar neste blog

 

Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
15
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30

Tags ( Iscos )

todas as tags

.TopOfBlogsBRDTracker
blogaqui?Divulgue seu blog!
Pesco no Blog.com.pt Blogalaxia
blogs SAPO

subscrever feeds